Amorabi: teatro, filmes e shows

 A Amorabi abre a programação de agosto com espetáculos de Florianópolis e Joinville. Depois, três filmes entram em cartaz com foco em conto e tribos indígenas. Para encerrar, dois shows: um com Ana Paula da Silva – pré-estreia do DVD Canto da Cigarra –, e outro com Ricardo Ledoux e Felipe Muller – apresentando a Voz do Trovão.

Confira a programação completa:

Data: 27 de agosto – domingo

Horário: 16 horas

Espetáculo: Oitava-Feira: Decretamos Feriado

Grupo: ETC – Florianópolis/SC

Sinopse: um bloco brinca a cidade guiado pelos paralelepípedos. Eu canto, você dança, nós poesia. O caos da urbe pede passagem: GREVE GERAL! Parar para respirar, parar para ouvir, parar para. Necessitamos de mais um dia da semana para fazer aquilo que às 168 horas da semana não são capazes de cumprir? Hoje é OITAVA-FEIRA, decretamos feriado. Neste tempo de carnaval que não dura apenas quatro dias, dura esta eternidade.

Ficha Técnica:

Com Aline Holz, Bárbara Teles, Bruna Puntel, Carol Oliva, Fernanda Nunes, Helen Maria, Isis Machado, Letícia Haines e Rena Costa

Dramaturgia: Coletiva

Arte Gráfica: Rodrigo Ferreira

Direção Musical: Bárbara Teles

Produção: AMAPÔ Produtora Cultural

Direção: Rena Costa

Classificação: livre

ENTRADA GRATUITA

 

Data: 27 de agosto – domingo

Horário: 17 horas

Espetáculo: É Real

Grupo: Abismo Teatro de Grupo – Joinville/SC

Sinopse: um coletivo jovem decide fazer teatro e tem um grande dilema. Sobre o que falar? Tendo como ponto de partida a juventude atual, o espetáculo mostra inquietações – o que ser, o que fazer, para onde ir – e questiona o presente. Mesmo com o futuro roubado, a jovem não desiste da luta. Denuncia e assume seu papel de agente transformadora da sociedade.

Ficha Técnica:

Texto: Criação Coletiva

Direção: Cristovão Petry

Atuação: Isadora Dourado, João França, Letícia Helena e Marcos Vicente Jr.

Preparação musical e trilha sonora original: Lausivan Correa

Figurino e Cenário: Regina Marcis e Grupo

Costureira: Neusa Krüger

Cabeleireira: Nara das Tranças

Designer Gráfico: Isadora Dickie

Agradecimentos: Fernando Góes, Carolina Sato, Sr. Hamilton

Realização: Abismo Teatro de Grupo

Duração: 45 minutos

Classificação Indicativa: a partir dos 12 anos.

Classificação: 12 anos

ENTRADA GRATUITA

Data: 28/08/2017 - segunda

Horário: 19h30

FILME 1 (em parceria com a plataforma VideoCamp):

Katcho pykatchu'i - História da pomba

Sinopse: conto de um pássaro chamado pykatchu (pombinha). Essa história foi contada pelo Tcheramoi, que conta como um lobo guará ludibriou e conseguiu comer o filhote da pomba e como os animais conseguiram se livrar do lobo. Foi produzida uma música que é cantada pelo coral da aldeia (nborai rekowe)

Filmagem: Coifmann Filmes

Produção: Aldeia Tarumã em parceria com Coifmann Filmes

Duração: 7 minutos

ENTRADA GRATUITA

FILME 2:

Ditadura da Especulação - VideoCamp

Sinopse: o documentário é sobre as tentativas de impedir que as máquinas derrubassem a vegetação local para construção de edifícios do setor noroeste de Brasília, que retiraria dali um antigo santuário e a comunidade indígena que habita a área. O filme levanta muitas discussões complexas constantemente enfrentadas pelos índios, como a especulação imobiliária, o interesse econômico e o direito à terra com fronteiras demarcadas e respeitadas.

DIRIGIDO POR ZÉ FURTADO

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 16 anos

ENTRADA GRATUITA

FILME 3:

Nhemongaraí - Batismo Guarani

Sinopse: Nhemongaraí - Retratado como batismo do milho, que tem lugar por ocasião da sua colheita, momento em que são revelados e distribuídos os nomes em língua guarani as crianças da aldeia.

ENTRADA GRATUITA

Data: 2 de setembro - sábado

Horário: 20 horas

Show: Pré-Lançamento do DVD Canto da Cigarra

Artista: Ana Paula da Silva

Classificação: livre

ENTRADA GRATUITA

Data: 3 de setembro - domingo

Horário: 16 horas

Show: A voz do Trovão

Artistas: Ricardo Ledoux e Felipe Muller

Release: a Voz do Trovão é o mais novo projeto do cantor e compositor Ricardo Ledoux que conta com a parceria do músico percussionista Felipe Muller. Ledoux traz em formato mais suave suas canções, e como de praxe alguns poemas de Fernando Pessoa, Manoel de Barros, Paulo Leminski entre outros. Músicas novas estão no repertório como Brasil Bonito que traz uma mensagem de igualdade entre gêneros, paz e amor. Estarão no repertório também trabalhos anteriores como Serenos Dois Outros, Deu Baque e Arranjos.

Classificação: livre

ENTRADA GRATUITA